Melhor da África de 2016: o ano de Riyad Mahrez


Como era de se esperar, o argelino Riyad Mahrez, camisa 26 do Leicester City, atual campeão inglês, foi eleito pela Confederação Africana de Futebol o melhor jogador do continente em 2016. O jogador recebeu 361 votos, contra 313 do então atual vencedor da premiação Pierre Aubameyang, do Borussia Dortmund e 186 votos de Sadio Mané, hoje no Liverpool. Desde a criação do prêmio, em 1992, este é o primeiro vencedor argelino, e também primeiro premiado vindo da região norte da África (lembrando apenas que Mahrez é nascido em território francês). Embora essas premiações sejam referentes ao ano de 2016, é natural que a temporada 2015-16 acabe pesando como fator preponderante. E como tirar o prêmio do principal jogador da maior surpresa do futebol europeu? 

Veloz, habilidoso, goleador, exímio passador e com incrível capacidade de decidir. O atacante foi comprado do Le Havre da segunda divisão francesa por apenas 400 mil euros em janeiro de 2014. Ainda em 2014 estreou pela Seleção da Argélia e fez parte da delegação que veio ao Brasil para a disputa da Copa do Mundo. Como coadjuvante, viu o Leicester conquistar a Championship e retornar à elite após 10 anos. Na temporada seguinte, foi primordial na parte final do campeonato, em que o Leicester lutava contra o rebaixamento. Para 2015-16, o que todos esperavam era nova briga contra o descenso. E foi aí que o conto de fadas que colocou o Leicester no topo começou.


Na temporada vitoriosa, Mahrez marcou 17 gols e deu 11 assistências em jogos da Premier League e sempre aparecendo de maneira decisiva. Balançou as redes nas complicadas vitórias por 1 a 0 diante de Watfrd e Crystal Palace, marcou o gol da vitória nos jogos contra Swansea e West Ham, e ainda deixou sua marca contra Manchester City, Everton, Chelsea, West Bromwich e Sunderland, também em jogos que o Leicester conquistou os três pontos. Mahrez teve participação direta em 41% dos gols marcados pelos Foxes na temporada 15-16.

O argelino de 25 anos também foi premiado pela PFA, a Associação dos Jogadores Profissionais da Inglaterra e foi nomeado pela revista inglesa Four Four Two como um dos100 melhores jogadores do ano. Na Bola de Ouro da revista francesa France Football, Mahrez foi o 7º colocado, atrás apenas do trio MSN, de Cristiano Ronaldo e Bale, e de Griezmann. Na primeira metade da temporada 2016-17, Mahrez teve uma ligeira queda de produção, assim como toda a equipe do Leicester. Entretanto, o argelino seguiu tendo lampejos de craque, como na vitória contra o Manchester City de Guardiola por 4 a 2, e na ótima campanha que os Foxes estão fazendo na Liga dos Campeões. 

No vídeo abaixo, uma compilação de lances e gols de Mahrez durante o ano de 2016:


O melhor em solo africano

Com a diferença técnica entre o futebol europeu e o praticado em continente africano, a CAF dividie o prêmio entre jogadores que atuam na Europa e jogadores que atuam na África. O vencedor deste prêmio foi o goleiro ugandense Denis Onyango, do Mamelodi Sundows da África do Sul. O arqueiro de 31 anos foi o primeiro jogador da posição a vencer o prêmio. Além de conquistar o título da Liga dos Campeões da África, Onyango também foi um dos destaques da classificação de Uganda para a Copa Africana de Nações depois de 39 anos longe da competição.


Nenhum comentário

Deixe seu comentário:

Tecnologia do Blogger.