Taça Salutaris: o troféu que inflamou ainda mais a rivalidade entre Flamengo e Vasco

Confesso que vasculhando em meus arquivos, sinto uma pontinha de inveja dos mais antigos. O futebol das primeiras décadas do século XX deveria ser mais lento, com mais chutões para frente e outras coisas que abominamos atualmente. Mas não dá pra negar que há um charme grande em tudo isso. Gostaria de ter vivido essa época. Especialmente no Rio de Janeiro. E a história que contarei hoje aconteceu na ainda capital do país no ano de 1927. O futebol já era um dos principais esportes da cidade. E Flamengo e Vasco já possuíam uma certa rivalidade, especialmente por acontecimentos no remo, modalidade bastante popular na época. Mas foi nesse ano que a relação conflituosa entre flamenguistas e vascaínos ganhou de vez os gramados. 

Na edição do dia 1º de outubro de 1927, o Jornal do Brasil realizou em parceria com a Água Mineral Salutaris, um concurso  para eleger o time mais - ATENÇÃO PRA GRAFIA - symphatico do Brasil. Curiosa prepotência, já que apenas o cidadão fluminense poderia votar (apesar de que, de acordo com o jornal, foram recebidos votos até de Minas Gerais e Espírito Santo). O concurso teve votação entre o dia 4 de outubro a 30 de dezembro de 1927, e a votação era realizada através de um cupom que vinha na seção esportiva do Jornal do Brasil ou no rótulo da água mineral, e deveria ser entregue na sede do diário. A apuração seria semanal e os resultados parciais sairiam na edição do sábado. O clube vencedor levaria o troféu de um metro e meio de altura banhado em prata.

O favoritismo pela premiação era do Vasco. Com forte presença entre comerciantes e jornaleiros, em sua maioria portugueses, a mobilização para ficar com o troféu, que ficou exposto na Joalheria La Royale, na Avenida Rio Branco, era grande. No Flamengo, as coisas também não eram diferentes. O concurso fez com que ambos os clubes brigassem voto a voto. O time da Colina liderava as parciais até os últimos instantes. Foi quando uma ação sagaz de torcedores flamenguistas decidiu de vez a parada. Disfarçados de vascaínos (bigode, botões do Vasco na lapela e até sotaque aportuguesado), esse grupo recebeu os votos para o Vasco, e ao invés de entregar para a apuração, despejou tudo nos vasos sanitários do Jornal do Brasil. Quando os vasos entupiram, o jeito foi jogar o restante no poço do elevador do prédio.

Em entrevista ao site Globoesporte.com, Fernandinho, primeiro goleiro profissional da história do Flamengo, relembrou o ocorrido. Na época, Fernandinho tinha apenas 14 anos. "Eu participei. Participei com muitas pessoas que não existem mais. Na época, ali na avenida Rio Branco com a São José, estava tomada por torcedores do Flamengo. Tinham muitos vascaínos lá também. Eles acharam que iam ganhar, pois tinham muitos taxistas, jornaleiros e padeiros que ajudaram. Mas o Flamengo ganhou", conta. E é por conta dessa vitória que a alcunha de "O Mais Querido" ganhou força entre os rubro-negros.

De acordo com a apuração final, foram contabilizados 736.282 votos. O Flamengo venceu com 254.850 votos, enquanto o Vasco recebeu 183.742. A virada flamenguista foi destaque até mesmo em jornais concorrentes, como o Rio Sportivo, que estampou na capa o resultado do concurso. O Vasco também recebeu um troféu pela segunda colocação. Posteriormente, o Jornal do Brasil realizou uma cerimônia de entrega, com a presença da renomada atriz e cantora Margarida Max (a moça da foto abaixo).


Curioso notar o restante do ranking. Em ordem, America, Villa Isabel e Modesto, apareciam À frente do Fluminense. Logo atrás do Tricolor das Laranjeiras aparecia o São Cristóvão e em apenas oitavo lugar, o Botafogo (ainda antes da fusão). Diversas outras agremiações, a grande maioria delas extintas, também foram citadas.

Embora o valor esportivo da Taça Salutaris seja praticamente nulo, o troféu tem lugar especial na galeria de conquistas do Flamengo, pois muito antes de se tornar um fenômeno de massa, a torcida flamenguista já mostrava sua força, e também astúcia. 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário:

Tecnologia do Blogger.