Bola de Prata 1978


O Brasileirão de 1978 é inesquecível por ser uma das maiores surpresas da história do futebol brasileiro. Pela primeira - e até hoje única vez - uma equipe interiorana conquistou a principal taça do futebol nacional. O Guarani venceu o Palmeiras na decisão, mas curiosamente, não emplacou nenhum jogador na Seleção de Placar. O craque do campeonato, de acordo com a publicação, foi o meia Paulo Roberto Falcão, do Internacional. Veja os vencedores da Bola de Prata de 1978:


Em pé: Rosemiro (lat.direito - Palmeiras). Manga (goleiro - Operário-MS), Rondinelli (zagueiro, Flamengo), Falcão (meia-direita - Internacional - BOLA DE OURO), Deodoro (zagueiro - Coritiba) e Carlos alberto Silva (técnico do Guarani).
Sentados: Tarciso (ponta-direita - Grêmio), Caçapava (volante - Internacional), Adílio (meia-esquerda - Flamengo), Paulinho (ponta de lança - Vasco - artilheiro) e Jésum (ponta-esquerda - Bahia). 
Não aparece na imagem o lateral-esquerdo Odirlei, da Ponte Preta. 

Parece estranho não ver nenhum jogador do time campeão, não é mesmo? Por isso, colocamos um bônus aqui. A revista Manchete Esportiva também fez uma seleção dos melhores de 1978:


De pé: Leão (Vasco), Oscar (Ponte Preta), Amaral (Corinthians), Falcão (Internacional), Miranda (Guarani), Zé Maria (Corinthians) e Carlos Alberto Silva (Guarani).
Sentados: Careca (Guarani), Zico (Flamengo), Palhinha (Corinthians), Carpegianni (Flamengo) e Zenon (Guarani).

Nenhum comentário

Deixe seu comentário:

Tecnologia do Blogger.