Futebol Total e as piscinas


Jornalismo é o ato de contar fatos. A função do jornalista é tentar relatar a história mais próxima da realidade. Mas no futebol, uma das coisas mais gostosas que existem é contar vantagem! É contar histórias que caminham na linha tênue entre verdade e mentira. As lendas fazem parte do esporte, e muitas vezes, são inclusive corroboradas por seus personagens. E cá vamos nós para contar uns causos apurados pelos famosos DETETIVÕES. Quem não gosta de uma piscina, não é mesmo? E quem não gosta de um futebol bem jogado? Pois saiba que foi uma piscina que ajudou a dar luz ao Futebol Total da Holanda dos anos 70. E também uma piscina, que contribuiu com o "fim" da Laranja Mecânica. 

Certa vez, Rinus Michels, sentado na beira da piscina, ouve de seu pupilo, Johan Cruyff:

- Professor... veja como a água faz círculos concêntricos, ocupando o espaço da piscina...
- Que tal então fazermos isso em campo?

Na Copa de 74, a Holanda mostrou ao mundo a ideia concebida pelos dois gênios do futebol observando a água. Mas antes da consagração final, alguns jogadores resolveram fazer uma festinha particular. No dia seguinte, véspera da final contra a Alemanha, jornais publicaram fotos dos jogadores com mulheres nuas na beira da piscina. Cruyff não estava entre eles, mas teve que passar horas no telefone se explicando para Danny, sua esposa. Fato é que na final, a Alemanha é quem pôde realizar festas sem se preocupar com o amanhã.

Em 78, Cruyff decidiu não disputar a Copa do Mundo. Das inúmeras teorias criadas, a mais interessante para nós neste momento, é a de que Danny proibiu Cruyff de ficar tão longe da família, por tanto tempo. Piscina? Só em casa!

Nenhum comentário

Deixe seu comentário:

Tecnologia do Blogger.