União Desportiva Rodoviária, de Monte Carmelo-MG

   Há quase trinta anos, no final da década de 80, uma pequena equipe interiorana destacou-se em divisões menores do futebol mineiro. Em 1986, em sua primeira participação como profissional, pela terceira divisão, o União Desportiva Rodoviária, ou apenas Derminas, alcançou a terceira fase do torneio. Inicialmente, ao lado de equipes como Curvelo e Paraense, fica em primeiro no seu grupo. Na segunda parte, enfrentando agora Iturama e o rival e conterrâneo Clube dos Cem, consegue a mesma posição. Por fim, na terceira e antepenúltima fase, sem o mesmo sucesso, fica em ultimo em sua chave, não conseguindo assim brigar pelo acesso.

   Finalmente, em 1989, na sua última temporada no profissionalismo, levantou o caneco de campeão da terceira divisão. Mesmo com o titulo, por falta de dinheiro em caixa, teve que abandonar os gramados. Nomes como Luis Carlos, ex-Cruzeiro, e Wilson Bruno, ex-Atlético-MG, vestiram as cores azul e branco da equipe durante este período.


   A história deste extinto time que encantou Monte Carmelo e região, a 484 km da capital mineira, Belo Horizonte, tem inicio ainda na década de 80, precisamente no ano de 1981, quando alguns sócios do Derminas Country Club - pertencente ao órgão do mesmo nome responsável por estradas e vias no estado de MG- resolveram criar uma equipe de futebol. Estava fundado, então, a principio de forma amadora, o União Desportiva Rodoviária, segundo o atual presidente do clube Moacir Pacheco. "Na época, a intenção era criar uma especie de grêmio aos funcionários da DER. Fundamos, então, em meados de 1981, o União, que começou de forma amadora, disputando torneios na cidade e região".

Nenhum comentário

Deixe seu comentário:

Tecnologia do Blogger.