Lori Sandri, ex-jogador e técnico de futebol, morre aos 65 anos


O ex-técnico Lori Sandri, com passagens por Internacional, pelo Trio de Ferro do Paraná (Atlético, Coritiba e Paraná Clube) e por inúmeras outras equipes e até pelo exterior, faleceu na tarde desta sexta-feira, 3, vítima de um tumor cerebral, aos 65 anos.

Lori estava afastado do futebol desde 2012, quando comandou o Botafogo de Ribeirão Preto. Como meio-campista, atuou pelos extintos Água Verde, Pinheiros e Seleto de Paranaguá, pelo Rio Branco de Paranaguá, pelo Atlético-PR e pelo Londrina. Já como treinador, foi campeão paranaense pelo Furacão em 1983, foi campeão gaúcho pelo Juventude em 1998, e pelo Inter em 2004, e vários troféus pelo futebol do Oriente Médio. Treinou também a Seleção dos Emirados Árabes nas eliminatórias da Copa de 98.

O corpo de Lori Sandri será velado na capela Vaticano, em Curitiba, e cremado neste sábado, dia 4.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário:

Tecnologia do Blogger.